Categoria: Lugares (Página 2 de 3)

Highlands: tudo que você queria saber (ou quase tudo).

A maioria das pessoas, quando pensa na Escócia, imagina logo as Highlands. Aquelas paisagens com picos nevados, vales, lagos, e os scots correndo de saias pelas montanhas ao som de gaita de foles, como se fizesse sempre calorosos 15 graus.

Hollywood ajudou bastante nessa visão:

Ler mais

Blackness Castle – o navio que nunca partiu.

O Blackness Castle fica perto de Edimburgo, e tem um formato bem interessante, que lembra um navio. Nessa foto, da internet, dá pra perceber bem isso:

Fonte: ScottishTour

Está localizado em uma ponta de terra, então parece mesmo pronto para zarpar. Fiz um vídeo do

Ler mais

A Muralha de Antonine

A Muralha de Antonine foi uma das duas muralhas que os romanos construíram no Reino Unido.

A primeira delas foi a Muralha de Adriano, iniciada em 122 DC, pelo imperador romano de mesmo nome. Ela acabou sendo também a primeira “fronteira” entre ingleses e escoceses, apesar de que, naquela época, vários povos diferentes habitavam a Ilha e não havia essa noção de unidade nacional.

Um historiador romano da época escreveu que a Muralha de Adriano foi construída para separar os povos civilizados (leia-se ingleses) dos povos bárbaros (leia-se escoceses!). Eu não tiro a razão deles. Os escoceses daquela época deviam ser mesmo osso duro de roer. Enquanto os

Ler mais

Falkirk Wheel: o único elevador rotatório de barcos do mundo.

O Reino Unido tem uma rede de canais gigantesca, usada principalmente para transporte pesado. Além de mais barato, também poupa muito as estradas. O mais comum, quando existem diferenças nas alturas dos canais, é fazer barragens em degraus. Como não sou engenheira e não sei se esse é o nome certo, vou ilustrar:

“Escada”para barcos, em Fort Augusts, Escócia.

Aliás, por favor, quem souber os nomes corretos de tudo isso,

Ler mais

O Castelo de Edimburgo e a Pedra do Destino

Vir para a Escócia e não visitar o Castelo de Edimburgo, é como não vir. Ele é o castelo mais visitado do país, e um dos mais antigos também. As edificações datam do século XII, mas escavações comprovaram recentemente que já existiam ocupações diversas no local desde a Idade do Bronze.

Castelo de Edimburgo, visto do Princes Gardens.

O castelo fica

Ler mais

Casa do John Knox

Hoje eu estava com um tempinho livre e resolvi visitar a casa do John Knox, em Edimburgo. Ela fica no final da Royal Mile, pra quem caminha do Castelo em direção ao Parlamento, à esquerda. Ela e a casa em anexo (a Moubray House) são as duas casas preservadas mais antigas da cidade, e o fato de ter sido a casa do John Knox ajudou as autoridades a preservá-la. A casa é de 1470!!

Eu ainda não havia entrado lá porque não vou com a cara do Knox (e também porque são tantas outras atrações…). Ele foi um dos

Ler mais

Falkland – a Inverness dos anos 40

Falkland é outro lugar parado no tempo, ao pé de uma montanha, com um castelo e muitas casinhas de pedra com marcações enigmáticas.

O vilarejo foi escolhido para representar Inverness nos anos 40, no seriado Outlander. Eles aproveitaram também as ruelas antigas para filmar outras cenas representando locais diversos da Escócia do século XVIII.

Centrinho de Falkland

Ler mais

Culross – o vilarejo do castelo amarelo e de filmagens de Outlander.

Culross é considerado um dos vilarejos mais pitorescos da Escócia. Possui cerca de 300 habitantes e é basicamente parado no tempo. Foi também um dos locais utilizados para as filmagens do seriado Outlander.

Fica a uns 20-30 minutos de Edimburgo, mas não possui estação de trem, ou seja, só dá pra ir de carro ou de ônibus. Estive lá em outubro, e bati várias fotos pra mostrar aqui. 🙂

Estrada para Culross.

Ler mais

Círculos de Pedras e viagens no tempo

Preciso começar este post informando – para quem ainda não sabe – que Craigh na Dun não existe! Foi um lugar inventado pela autora de Outlander. O círculo de pedras foi construído em isopor para as filmagens, em uma colina de Kinnloch Rannoch, em Perthshire (e não em Inverness).

Aliás, se Craigh na Dun existisse mesmo, eu não estaria aqui escrevendo. A julgar pelo sucesso da série e pela quantidade de mulheres loucas para viajar no tempo e encontrar um highlander sósia do Jamie (já aviso que dentes perfeitos serão improváveis), eu estaria agora com uma banquinha montada lá, distribuindo senhas de acesso à pedra principal e fazendo fortuna vendendo antibióticos para as viajantes. Porque é sempre uma má ideia ir para o passado sem uns remedinhos modernos no bolso…

Ler mais

Halloween na Escócia: Samhuinn, guising, ghost tours.

Esse é o nosso primeiro Halloween na Escócia, e eu estava ansiosa para saber como é comemorado por aqui. A festa tem origem celta, e foi levada para os Estados Unidos – de onde se popularizou para o resto do mundo- por imigrantes irlandeses e escoceses.  Mas não é nem de longe o evento gigantesco que é para os americanos. Eu tenho a impressão que, aqui, as coisas ainda são mais simples, mais como antigamente. Tem, claro, muita coisa pra vender nas lojas e é uma data bem aproveitada pela mídia e pelo mercado, mas o que me chama mais a atenção são as pequenas festas de vilas e as celebrações pagãs que ainda existem.

Ler mais

Página 2 de 3

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén