Pelos caminhos dos castelos em Aberdeenshire

Aqueles que já leram posts meus anteriores, sabem que moro em Aberdeen, na costa Noroeste da Escócia, junto ao mar do Norte. Ela é uma cidade portuária e é a maior de uma região chamada Aberdeenshire. Essa região é conhecida por ter a maior concentração de castelos por acre no Reino Unido. Antes de vir para cá, não tinha a menor ideia dessa particularidade. Fiquei mais entusiasmada ainda quando descobri que a maioria deles fica realmente muito perto de Aberdeen e que são ótimos programas para passar um dia fora. A seguir vou falar um pouquinho de cada um dos que eu visitei:

1- Slains Castle

Essas ruínas ficam no alto de um penhasco à beira do mar. Para chegar lá, tem um estacionamento sinalizado na localidade de Crudan Bay e outro na rodovia. A visita ao local é gratuita. O cenário é lindo e dizem que inspirou Bran Stocker a escrever Drácula.

2- Castle Fraser

Visitamos esse castelo na Páscoa. Logo que chegamos, nos chamou a atenção a grande quantidade de famílias que se dirigiam para o castelo. Quando entramos, ficamos sabendo a razão: o castelo promovia uma caça ao coelho, um tipo de gincana para as crianças. Prêmios de chocolate e pinturas no rosto eram algumas das atrações, que mantinham os pequenos entretidos enquanto apreciávamos os mobiliários da família Fraser, num sobe e desce de escadas. Ao final, para recobrarmos as energias, sentamos no tearoom, relaxando com uma xícara de chá. Há diferentes eventos ao longo do ano nesse castelo. Por exemplo, em julho, haverá uma “batalha dos clãs “, com jogos, músicas e shows. A entrada custa cerca de 12 libras por adulto.

Fraser

3- Drum Castle

Fui nesse castelo com meus pais. Um dia típico da Escócia: cinzento e com chuviscos. O que não tirou sua beleza. Um gramado imenso e verdinho encantou minha filha, que estava com um ano e meio na época. Foi difícil fazê-la parar de correr. Assim que conseguimos, entramos na antiga residência da família Irvine. Muito bem conservada. A biblioteca é linda, com teto alto e uma aconchegante poltrona com vista para o jardim, através de uma imensa janela. No período que fomos, havia uma exposição de arte de artistas escoceses no andar superior, mais modernizado. Assim como no Fraser, há um Tearoom para descansar as pernas e também uma gift shop. O valor da entrada é cerca de 12 libras também.

Drum Castle

Um detalhe desse passeio é que, como saímos um pouco tarde de casa, chegamos próximo do horário do almoço e decidimos parar antes na “Mains of Drum”. É uma loja de móveis, decoração, jardim, setor infantil, moda masculina e feminina, delicatessen… linda! No andar superior tem um restaurante que atende todos os gostos. Ótimo para famílias.

Mains of Drums

4- Crathes Castle

Fica bem próximo do Drum. Fomos em um outro dia… muito ensolarado. Lindo. No jardim muita gente curtindo o sol em piqueniques ou jogando discos. Dessa vez não entramos no castelo, para aproveitar a benção do sol. Visitamos os jardins, com gigantes ciprestes, a pracinha para as crianças e sentamos no café para tomar um sorvete (últimas unidades, tendo em vista que todo mundo teve a mesma ideia…). Também tem um restaurante, mas não experimentamos.

Crathes Castle

Crathes Castle

Um lugar perto, que vale a visita, é o Cullerlie Stone Circle. Um círculo de pedras da Idade do Bronze. Fica em uma zona rural e o acesso é gratuito. Até hoje não se tem certeza de seu uso e significado. O que eu sei é que, coincidência ou não, cheguei ali super enjoada e com indisposição intestinal, decorrentes de um resfriado, e saí de lá me sentindo muito melhor… verdade! Uma energia muito boa e pacífica!

Círculo de Pedras Cullerlie

5- Dunnottar Castle

É um dos pontos turísticos mais famosos da Escócia. E não é para menos. Uma fortaleza com muitas histórias, incluindo uma invasão por William Wallace. O cenário é de tirar o fôlego com penhascos incríveis. Lá foram filmadas algumas cenas de Hamlet, estrelado pelo Mel Gibson.

Mel Gibson, em “Hamlet”, com Dunnottar ao fundo. Fonte: Google Images

O acesso requer um certo preparo físico, pois é preciso descer uma longa escadaria para subir outra na sequência. O que se encontra são as ruínas do antigo forte e lógico: vistas deslumbrantes para o mar e para os rochedos. Nesse lugar, me senti engolida pelo passado… não sei bem explicar… senti aquele espírito das guerras antigas, tanto sangue e lágrimas derramados naquele forte escocês. Vi aqueles rochedos a observar tudo, impassíveis, sabendo que no fim tudo passa na jornada humana na Terra. Tudo muda. E em um lugar onde se sentiu tanto medo e dor, agora é um lugar de lazer para casais, famílias, idosos (não esqueçam que por aqui eles adoram atividades), turistas… até noivos vão registrar sua união com Dunnotar ao fundo! Na segunda vez que fomos lá, não entramos, ficamos na praia que fica no seu “pé”… muito lindo também olhar ele de baixo… Nas duas vezes, encerramos o passeio em Stonehaven, uma cidade próxima, muito simpática, num restaurante com belas vistas para o mar.

Dunnottar Castle

Dunnottar

Existem outros castelos na região que estão na minha lista e que pretendo visitar em breve… depois conto. Acho um programa ótimo, relaxante, cheio de beleza e história. A maioria com boa infraestrutura ou com possibilidades próximas. Quem vem a turismo, pode visitar mais de um em uma só vez. Mas quem vem por mais tempo, um dia para cada um é o ideal, para aproveitar os jardins, a paisagem, a arquitetura e descansar. Um pequeno mimo desse país adorável chamado Escócia.

Mapa mostrando alguns dos castelos da região de Aberdeenshire. Fonte: Google

Anteriores

Feira Medieval

Próximo

Post Fitness: Como mantenho a forma na Escócia.

6 Comentários

  1. Cristina Lima

    Adorei !!! Os lugares são lindos e a narrativa excelente … parabéns

    • Silvia

      Obrigada Cristina!!! Lindo mesmo!!! Que bom que gostaste do post!!! Beijos

  2. Grasielle

    Dá pra perceber que vc é uma pessoa super sensível e reflexiva demais, me identifico.Ah os castelos…maravilhosos!

    • Silvia

      Hahaha… verdade Grasielle!! Sou uma legítima canceriana!!! Sensível demaaaaais…! Beijos

  3. Natalie Coppini

    Adorei as dicas de passeio!!!!

    • Silvia

      Que bom Natalie! Na verdade poderia dar mais detalhes de viagem, mas a minha ideia foi passar as sensações de passear pelos castelos mesmo… se quiseres posso passar mais! Beijos

Deixe uma resposta

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén