Como vir para a Escócia

Muita gente me pergunta o que precisa para vir visitar a Escócia, ou  como morar aqui, quais os tipos de visto que se pode conseguir pra vir e ficar, trabalhar, estudar, etcs. Os requisitos de visto são bastante específicos para cada caso, e podem mudar de uma hora pra outra. Então, por favor, me perdoem se alguma informação aqui acabar ficando desatualizada ou se eu esquecer algum detalhe. Meu objetivo é apenas fazer um resumo só pra dar uma ideia geral das possibilidades.

uk-visa-for-thai-820x320

A Escócia faz parte do Reino Unido, portanto as regras de imigração são as mesmas válidas para toda a Grã-Bretanha. O governo disponibiliza um rápido teste para conferir se você precisa de um visto ou não, de acordo com a sua situação.

Se você possuir cidadania europeia, você não precisa de visto para vir para cá, e pode simplesmente chegar, morar, trabalhar, estudar, como quiser. Embora o Reino Unido tenha votado, em referendo, para sair da União Europeia, enquanto isso não acontecer completamente, todos os direitos permanecem os mesmos.

Se você for brasileiro(a), sem dupla cidadania, você pode vir para a Escócia se encaixando em uma das seguintes categorias:

Turista: Se o objetivo é vir conhecer o país, ou fazer um curso de inglês de curta duração, você pode entrar com visto de turista. É um carimbo simples no passaporte, tem duração de 3 a 6 meses, e é emitido na fronteira do Reino Unido em que você chegar, pelo agente de imigração. Eles geralmente pedem que você apresente comprovante das passagens de volta, de local de estadia aqui no Reino Unido e que comprove ter fundos suficientes pra se manter durante a sua estadia, mas isso depende muito do humor da pessoa do outro lado do guichê. Alguns nem pedem nada, outros passam meia hora fazendo perguntas.

ATENÇÃO: Seu passaporte deve ter validade mínima de 6 meses a partir da data de embarque. Então, se faltar menos que isso para vencer, faça um novo antes de vir para cá, ou você pode ter o seu visto negado.

Mais informações no site do Itamaraty.

Estudante:  Se a duração do seu curso for maior que 6 meses, então você precisa de um visto específico. Não dá pra entrar aqui com o visto de turista e depois trocar para o de estudante. Você tem que aplicar para o visto de estudante ainda no Brasil.  Geralmente, quem tem visto de estudante tem também autorização para trabalhar de 10 a 20 horas por semanas, e em período integral durante as férias.

Visto de trabalho após graduação/mestrado/doutorado: Se você vier fazer uma gradução, pós-graduação, mestrado ou doutorado no Reino Unido, e conseguir uma oferta de trabalho de um empregador listado entre  patrocinadores licenciados, você pode aplicar para um outro tipo de visto que permite permanecer no Reino Unido por três anos, com a possibilidade de estender a estadia. Para quem completou o doutorado aqui, existe ainda a possibilidade de se inscrever para uma extensão do visto, que autoriza o formado a permanecer no país para procurar empregos qualificados ou começar um negócio próprio por até 12 meses após a conclusão do doutorado.

Mais informações AQUI.

Visto de trabalho: Para conseguir um visto de trabalho, vindo diretamente do exterior, você precisa conseguir um emprego em uma empresa que esteja disposta a passar por todo o trabalho burocrático que é contratar um estrangeiro. A empresa deve emitir um certificado de patrocínio (certificate of sponsorship), que confirma ao governo a vaga e o salário oferecidos ao candidato. O salário deverá ser de 20.800,00 libras por ano  ou mais. Você também terá que comprovar um bom nível de inglês. Este visto permite ficar por 5 anos ou mais, caso em que o empregador precisará comprovar que não encontrou ninguém local igualmente qualificado para preencher a vaga e que é indispensável manter o estrangeiro trabalhando na empresa.

Mais informações sobre esse tipo de visto no site do governo.

Visto de trabalho temporário: Entram  nesta categoria artistas, desportistas, autoridades religiosas e funcionários que trabalham para governos estrangeiros. Como no visto anterior, é necessário um patrocinador que se responsabilize pelos custos de sua estadia e/ou pagamento de salário e confirme ao governo quais as suas condições de trabalho. Este visto é de 1 ano, prorrogável, e a diferenca é que não precisa comprovar nível mínimo de inglês.

Visto de empresário: Esta é a opção para quem quer investir no Reino Unido, como, por exemplo, abrir um negócio aqui. Os requisitos são ter no mínimo 16 anos e 50.000,00 libras (ou mais) comprovados em conta para investir, ter nível B1 (intermediário) de inglês e poder se sustentar sem ter de recorrer a um emprego.

Mais informações sobre esse tipo de visto AQUI.

Familiar: Se você for casado(a), for filho ou parente próximo de alguém que tem o direito de residir aqui, você pode pedir um visto de familiar. Existem vários, dependendo da situação cada um. Dá uma olhada AQUI. :

Asilo político / apátridas: Assim como na maioria dos outros países, você pode solicitar residência no Reino Unido se for asilado, refugiado ou apátrida.

Espero ter ajudado a esclarecer um pouco quais são as opções. Os links abaixo possuem informações mais detalhadas:

Informações sobre todos os tipos de vistos.

Sobre vistos  de trabalho.

Outro links úteis:

Tudo sobre vistos para Reino Unido;

Visto para trabalhar no Reino Unido;

E-Londres: como trabalhar;

Estudar em uma Universidade.

Anteriores

Que língua se fala na Escócia?

Próximo

Halloween na Escócia: Samhuinn, guising, ghost tours.

3 Comentários

  1. bruna queralt cimorelli

    Ola,

    Gostaria de mais informações, existe alguma maneira de conversarmos mais?
    Tenho dúvidas em relação a mudar de país e um dos lugares que cogitei foi Escócia e Irlanda. Possuo cidadania europeia.

    Obrigada

  2. Filipe

    Boa tarde Anelise, te mandei um e-mail com algumas dúvidas, se puder me ajudar, agradeço!

Deixe uma resposta

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén